Chile

Informação

Capital: Santiago

Tamanho: 756,950 km²

População: 14.3m

Moeda: Peso Chileno

Idioma: Espanhol

Visto: Não é necessário para os cidadãos do Reino Unido.

Comida: Os frutos do mar são o orgulho e a alegria da cozinha chilena. Quase todo porto na costa chilena tem um pequeno mercado ou uma linha de restaurantes de frutos do mar onde excelentes frutos do mar podem ser encontrados. As variedades de peixes é infinita e interessante! Ou se preferir, experimente a cazuela de vacuno (cozido de carne com abóbora, batata, coentro e uma pitada de limão).

Bebida: Os vinhos chilenos são excelentes. Duas bebidas deliciosas são vaina, uma mistura de conhaque, ovo e açúcar e cola de mono, uma mistura de aguardente, café, leite e baunilha servido frio no Natal.

Festivais: Festa religiosa de la Piedra Santa: festival antigo da Pedra Sagrada que é celebrado todo ano no dia 20 de Janeiro. As mulheres vestem-se em seus trajes tradicionais, com cintos coloridos e jóias de prata. A comemoração continua pela noite a dentro com cantos, dança, música e orações.

Esporte: Como muito países da América do Sul, o futebol é o principal esporte e as três equipes mais poderosas (Universidade do Chile, Colo Colo e Universidade Católica) estão concentradas na região perto de Santiago. O tênis e o basquetebol são também populares e rugby é jogado em Santiago, devido à existência das tradicionais escolas particulares 'inglesas'.

Quando ir: Os meses mais quentes vão de Dezembro à Março. A região Central tem um clima semelhante ao clima mediterrâneo - quente e com sol; em Julho, as temperaturas de Agosto podem cair a 10 º C. Na Região dos Lagos , o clima temperado é semelhante ao norte da Europa mas com fortes chuvas. No extremo sul, o inverno (Junho à meados de Setembro) é mais rigoroso: e chega até a nevar e as temperaturas muitas vezes chegam abaixo de zero. Na Ilha de Páscoa, a estação de chuva vai de Março a Outubro (Maio é o mês que mais chove e pode ter chuvas torrenciais).

O Chile é uma estreita faixa de terra entre o Oceano Pacífico e os Andes. A sua paisagem varia desde glaciares até lagos e vulcões, praias, planícies de sal, e deserto. Em um dia é possível escalar montanhas com machado de gelo e grampos, e depois desfrutar um banho termal ou apenas relaxar de baixo das estrelas do Cruzeiro do Sul.

Santiago, capital sofisticada do Chile, prolonga-se ao lado dos Andes: um choque frenético de arranha-céus, barulho e vida noturna, casa de artistas modernos mais ousados da América do Sul. A cidade portuária de Valparaíso foi descrita por Brian Keenan como "Veneza à espera de ser descoberta", com ruas e casas pintadas com alegres cores. Ao norte distante, a pequena cidade de São Pedro de Atacama, um oásis com seus gêiseres, vulcões e planícies de sais. Para os verdadeiros apreciadores, há observatórios astronômicos em posição privilegiada para observação de estrelas.

3,790km ao oeste está a Ilha de Páscoa, famosa por suas 887 cabeças icônicas de pedra conhecidas como moai, com mais de 20m de altura.

Ao sul, o arquipélago misterioso de Chiloé é uma das áreas mais fascinantes do Chile. Com vista para o mar, e golfinhos nadando na baía e, em dias claros, pode-se ver a cúpula do vulcão Corcovado em terra firme.

Ao norte de Chiloé, encontra-se a popular Região dos Lagos. A maior parte desta região é protegida - e foram transformados em parques nacionais. A mistura de florestas, lagos e vulcões cobertos de neve é inesquecível.

A Carretera Austral (via Sul) é uma estrada onde poucos passam e isolada do resto da civilização. Selvagem e espetacular estrada que se estende ao sul até ao Região dos Lagos. Devido à grande quantidade de chuva durante o ano e ao difícil acesso as grandes atrações dessa região são: florestas tropicais, geleiras, fiordes, pequenas ilhas e perdidas vilas de pescadores. Há primaveras quentes em Chaitén e Puyuhuapi, e excelente pesca e canoagem nas águas limpas frias. É possível caminhar e escalar as montanhas, cruzar campos de gelo, ou tomar um confortável cruzeiro para melhor apreciar a impressionante a geleira da Lagoa de São Rafael.

No distante sul do país está o impressionante Parque Nacional Torres del Paine, Reserva de Biosfera da UNESCO e paraíso para os apreciadores de caminhadas e de vida selvagem. Em todas as épocas do ano, o parque oferece paisagens dos fantásticos picos que mudam constantemente, geleiras, e as torres maciças de granito epônimas onde pode-se contemplar os lagos de cores vibrantes e calmos verdes vales repletos de flores selvagens.

Todo texto é propriedade da Latin American Travel Association (Associação Latino Americana de Viagens). LATA é uma organização e nós damos boas-vindas às parcerias com qualquer empresa ou indivíduo que compartilhem os nossos alvos e objetivos. Embora todo cuidado é tomado para assegurar de que nossos membros sejam de boa-fé, os futuros clientes são recomendados fazer seus próprios questionamentos antes de participarem de qualquer acordo.

Como chegar